Curiosidades sobre a bíblia – Parte 6

ler a biblia– Tiago, filho de Zebedeu, foi o primeiro dos apóstolos a morrer por sua fé. Foi decapitado a espada por ordem do rei Herodes Agripa I, por volta do ano 44 de nossa era.
– Paulo, o grande apóstolo dos gentios, segundo a tradição cristão, foi decapitado em Roma por ordem do tirano Nero.
– Em I Samuel 17:18, o queijo é mencionado pela primeira vez na Bíblia.
– Em Juízes 14:18 encontramos um dos exemplos mais antigos de enigma.
– Dois reis dos Amorreus foram postos em fuga por vespões. Josué 24:12.
– Número de vezes que aparece a palavra:
– Deus: 4.336 – Revisada (AMTGH)
– Senhor: 7.607 – Rev. (AMTGH)
– Lúcifer: 0 (nenhuma)
– Satanás: 54 – Revisada
– Fé: no AT da versão revisada – 5, na revisada (de AMTGH) – 2
– Há 8.000 vezes a palavra “Senhor”.
– A volta de Jesus é citada 1845 vezes.

No amor de Jesus,

Pedro Quintanilha ><>

Anúncios

Por Que o Cachorro Enterra o Osso?

Cachorro enterrando osso

Há algum tempo atrás estava conversando com a veterinária do meu cachorrinho e ela me fez essa pergunta por que o cachorro enterra o osso? Eu não sabia, então ela me respondeu, ele o enterra para guardar, por que ele não sabe quando terá outro novamente.

Isso me faz pensar sobre como administramos nossas finanças pessoais. Você pode até dizer. Poxa Pedro agora você foi longe heim…

É isso mesmo, se até o cachorro instintivamente guarda o seu osso por conta do seu instinto natural por que nós seres inteligentes não desenvolvemos uma mentalidade de poupança, ou seja de poupar parte dos nossos recursos para tempos difíceis ou oportunidades da vida.

Você pode até tentar justificar a falta dessa mentalidade com textos bíblicos como “não acumuleis tesouro…” “não andeis ansiosos com o que haveis de comer ou de vestir…” “…basta a cada dia seu próprio mal” Mt 6. 19-34

Jesus nos aconselhou em Lucas: “Qual de vocês, se quiser construir uma torre, primeiro não se assenta e calcula o preço, para ver se tem dinheiro suficiente para completá-la?” Lc 14.28 Esse texto ressalta a importância do planejamento.

O Pai deu a Adão a missão de administrar a Terra, sujeitar e multiplicar. Gn3.36

Desenvolvendo uma mentalidade de poupança

O que quero dizer é que devemos aprender a administrar de forma justa e sensata os recursos que Deus nos proporciona e uma das formas de administrarmos bem esses recursos é guardando uma parte para tempos difíceis ou oportunidades.

Veja um exemplo prático:

Nas Escrituras quando o princípio de guardar parte de sua renda foi aplicado por José no Egito e a partir dessa aplicação o Egito se tornou a maior potência mundial daquela época. Veja Genesis capítulo 37,39-45 toda a história de José.

“Procure agora o faraó um homem criterioso e sábio e coloque-o no comando da terra do Egito. O faraó também deve estabelecer supervisores para recolher um quinto da colheita do Egito durante os sete anos de fartura. Eles deverão recolher o que puderem nos anos bons que virão e fazer estoques de trigo que, sob o controle do faraó, serão armazenados nas cidades.  Esse estoque servirá de reserva para os sete anos de fome que virão sobre o Egito, para que a terra não seja arrasada pela fome. ” O plano pareceu bom ao faraó e a todos os seus conselheiros. Gn 41.33-37

Podemos chamar esse princípio do princípio da quinta parte, ou seja de toda sua renda guardar 20% para tempos difíceis.

Fica aqui meu conselho para vocês queridos leitores, este é um princípio que tenho buscado praticar e tenho visto muitos resultados em minha própria vida.

Que possamos seguir os exemplos dos cachorros e mais ainda o exemplo de José. Desejo que vocês aprendam a administrar bem os recursos que Deus tem lhe confiado, assim como eu tenho buscado fazer.

Se quiser seguir pensando sobre questões relacionadas a empreendedorismo escrevo  sobre isso em outro lugar

No amor de Jesus,

Pedro Quintanilha ><>

Boas Notícias em 7 Minutos

Amigos,

boas notícias

Compartilho esse vídeo do Conexão Eclesia com vocês, pois acredito que é um vídeo de fácil entendimento e muito claro sobre o evangelho, Modesto das Neves, pastor no Rio de Janeiro,  explica de forma resumida verdades profundas e relevantes para a vida de todas as pessoas.

Se você gostou desse vídeo compartilhe com seus amigos não deixe essa oportunidade passar espalhe a boa notícia.

Seja você também um propagador das boas notícias!

Você pode conhecer mais um pouco sobre a fé cristã. e mais ainda sobre a graça de Deus.

No amor de Jesus,

Pedro Quintanilha ><>

Movimentação Apostólica

estrada caminho apostoloEstamos vivendo tempos de restauração, temos identificado que este é o momento pontual para trabalharmos dentro desse funcionamento. Essa questão de apóstolos e profetas, apostólico e profético tem sido muito mal interpretada e mal aplicada, mas isso não nos isenta da responsabilidade e necessidade de nos movimentarmos nesse funcionamento como igreja e de reconhecer essas funções no corpo.

Apostolo não é um cargo e sim uma função da mesma forma que apostólico é um funcionamento.

Desde muitos anos atrás a restauração é clara em meio a história da Igreja desde a reforma a igreja vem restaurando as funções que a capacitam a funcionar como corpo. Você pode saber mais sobre restauração neste texto.

Em Mateus 9.35 temos um exemplo da movimentação apostólica.

“Jesus ia passando por todas as cidades e povoados, ensinando nas sinagogas, pregando as boas novas do Reino e curando todas as enfermidades e doenças.“ Mt 9.35 

Vemos que a movimentação de Jesus era passando pelas cidades, entrava em povoados e ensinava nas sinagogas. Esse é um exemplo que deve ser observado e seguido precisamos estar envolvidos com as questões das cidades e a partir das congregações equipar as pessoas para que a diferença seja feita na cidade. Muitas vezes vemos a igreja como um fim em si mesmas e isso acaba sendo ruim para todos.

Uma questão muito interessante também é que cada parte da grande comissão mostrada nos evangelhos e em atos nos revelam uma característica que pode ser comparada com cada uma das cinco funções ministeriais para o corpo de cristo.

Mateus 28.18-20 – Ênfase no Ensino função do Mestre ensinar a ensinar.

Então, Jesus aproximou-se deles e disse: “Foi-me dada toda a autoridade no céu e na terra. Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos”.  

Marcos 16.15-18 – Ênfase no Evangelismo função do Evangelista capacitar a igreja a pregar a toda criatura.

“E disse-lhes: “Vão pelo mundo todo e preguem o evangelho a todas as pessoas.  Quem crer e for batizado será salvo, mas quem não crer será condenado. Estes sinais acompanharão os que crerem: em meu nome expulsarão demônios; falarão novas línguas;  pegarão em serpentes; e, se beberem algum veneno mortal, não lhes fará mal nenhum; imporão as mãos sobre os doentes, e estes ficarão curados”. “

Lucas 24. 44 – Ênfase no profético fala de cumprimento, os Profetas precisam capacitar a igreja a enxergar, o que tem se cumprido e o que está para se cumprir e capacitar outros a enxergar  e profetizar.

E disse-lhes: “Foi isso que eu lhes falei enquanto ainda estava com vocês: Era necessário que se cumprisse tudo o que a meu respeito estava escrito na Lei de Moisés, nos Profetas e nos Salmos”.

João 20 22,23 – Ênfase no perdão do individuo, relacionado a função dos Pastores que trabalham para apascentar e capacitar outros a apascentar o rebanho de Deus.

“E com isso, soprou sobre eles e disse: “Recebam o Espírito Santo. Se perdoarem os pecados de alguém, estarão perdoados; se não os perdoarem, não estarão perdoados”.”

Atos 1.8 – Ênfase na movimentação, função apostólica capacitar a igreja a se movimentar de forma estratégica sobre as cidades.

“Mas receberão poder quando o Espírito Santo descer sobre vocês, e serão minhas testemunhas em Jerusalém, em toda a Judéia e Samaria, e até os confins da terra”. “

A movimentação apostólica é importante, pois ela traz para a igreja o senso de missão. Capacitam a igreja a se movimentar de forma estratégica por regiões, existe todo um processo que precisa ser cumprido o os apóstolos e pessoas apostólicas vêm para auxiliar todo o corpo a completar e caminhar sobre esses processos.

Que possamos aprender a nos movimentar como o Espírito anseia que nos movimentemos.

No Amor de Jesus,

Pedro Quintanilha ><>